Notícias

1 04/12/2023 09:40

Parcela da população que conta com o benefício para uma velhice tranquila teve alta expressiva em dois anos

A estabilidade da aposentadoria depois de uma vida de trabalho continua sendo motivo de preocupação para muitos brasileiros. E uma parte cada vez maior deles deposita sua esperança no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Uma pesquisa realizada pelo Datafolha a pedido da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi) apontou que a parcela que conta com esse benefício para uma velhice tranquila cresceu de 31% para 42% em dois anos. Nas regiões Norte e Nordeste, ela chegou a 43%.

Presidente da Fenaprevi, Edson Franco acredita que pensar no futuro e consequentemente na aposentadoria faz parte do comportamento do brasileiro, independentemente das gerações. Apesar disso, ele revela que essa preocupação tem ficado apenas no campo das ideias e pensamentos, com poucas ações propriamente ditas.

Um indício disso é que 68% dos nordestinos que contam com a aposentadoria pelo INSS não têm noção de quanto passarão a receber depois que pararem de trabalhar. Entre os que já fazem essa estimativa, a média é de R$ 1,6 mil. Abaixo do índice nacional, que ultrapassa os R$ 2 mil. Mas o presidente da Fenaprevi destaca que há uma boa notícia nesses números: a proporção de quem pensa em planejar suas finanças para o futuro vem aumentando, agora eles são oito a cada dez brasileiros.

“O conceito de planejamento financeiro vai além do período de aposentadoria. Ele é necessário para todas as fases da vida, afinal cada uma tem os seus desafios. Mas a fase da aposentadoria é particularmente importante, pois é o período da vida em que os rendimentos tendem a cair e os gastos, especialmente com saúde, aumentam. Entrar nesta fase com reservas e com proteção para vários imprevistos é fundamental para uma velhice tranquila”, alerta o presidente da Fenaprevi.

 







Rua Tiradentes, 30 – 4º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.430-180
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9711-6971 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.